sexta-feira, julho 17

Israel deverá ser o destino



Caso o Paços elimine na próxima quinta feira o Zimbru, jogará na ronda seguinte com o Bnei Yehuda Telavive (Israel) ou o FC Dinaburg (Letónia).
Na primeira ronda os Israelitas venceram por 4-0 pelo que, é praticamente certo que os castores tenham que se deslocar a Israel em caso de vitória frente ao Zimbru. Embora desportivamente os Israelitas não sejam temiveis, a verdade é que será mais uma deslocação dispendiosa para os castores...

Os jogos serão dia 30 de Junho em Israel e dia 6 de Agosto em Guimarães.

8 comentários:

M@RC€lo @BR€U disse...

eu ouvi na bola branca que foram só 3-0
mas chega na mesma para serem eles os favoritos

susana nunes disse...

o Paços vai passar :) logo vai jogar dia 6 e dia 8 de Agosto? ainda por cima uma super taça de Portugal ao sábado?!! é bom para encher o estádio

Exercito Romano disse...

que me dizem do carlos carneiro que reforçou u ataque do f.c.vizela e representou u paços de ferreira???
comentem em http://ultrasromanos.blogspot.com/
abraços

pedroleao disse...

não sei em que mapa os gaijos da uefa foram ver estes paises para pertencerem a europa

caRLos JoRGe # 43 disse...

Se o Paços passar, o jogo da Supertaça deve ser adiado, penso eu, pelo menos para Domingo...

caRLos JoRGe # 43 disse...

Segundo um comentário no site zerozero.pt ao jogo Paços - Zimbru da próxima quinta-feira, os bilhetes terão um custo de 7,50€ para sócios do Paços e do Vitória (só estarão abertas as bancadas centrais).

João Morais disse...

Fui ontem jantar ao tons e la tinha um cartaz a dizr que iria ser 7,5€ o jogo da uefa para os sócios.

Euro Paços disse...

Quanto ao jogo de quinta, o Paços, devia tomar medida para que tivesse muita gente. É lógico, que não se vai encher o estádio, como pediu o nosso capitão, mas como uma boa organização, podia conseguir-se uma boa casa. O horário (21h) é o mesmo que o jogo de há 2 anos com o AZ Alkmaar e parece-me positivo, tendo em conta que se trata de um dia de semana. Devemos todos lá estar e levar os nossos amigos, para ajudarmos a nossa equipa a ultrapassar este obstáculo. Depois sim, podemos pensar nos israelitas.
Quanto à Super-Taça,creio que há várias pontos a analisar: As competições em Portugal, são feitas para serem ganhas pelos grandes, porque se não for assim,não se vendem tantos jornais, nem tanta gente vê televisão. Para a Federação Portuguesa de Futebol, as equipas pequenas não são nada e nunca lhes passou pela cabeça que o Paços, pudesse passar a eliminatória da Liga Europa, por que de outra forma, só se justifica se desconhecerem o calendário internacional de jogos. Por outro lado, a direcção do Paços também agora que poderia ter algo a dizer,adoptou a política, do "por nós, está tudo bem". Querem em Braga ou em Aveiro? Não se manifestou qualquer preferência. Em que dia querem? O que vocês quiserem. Assim,claro que a Federação que já ia defender os interesses do F.C.Porto, ficou com a tarefa ainda mais facilitada. Por acaso, se o Paços passar, como todos nós pacenses esperamos, o jogo no dia 6 de Agosto com o Bnei Yehuda, será em casa, agora imaginem se o sorteio determina que fosse em Israel a 2ª mão,com a viagem de regresso, mesmo jogando no dia 9 a Super-Taça, se a equipa estaria em igualdade de circunstâncias com o adversário. Claro que não, ou seja a Federação não previu todos os cenários.